Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

nona

nona

Reino Maravilhoso - Alto Tâmega (Vila Pouca de Aguiar) - O Mural

Dezembro 28, 2018

nona

 

 

REINO MARAVILHOSO - ALTO TÂMEGA

 

VILA POUCA DE AGUIAR

- SUAS TRADIÇÕES E HISTÓRIA EM MURAL - 

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (584)

(Vila pouca de Aguiar - Orgulho na nossa terra. Honra em ser...)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (579-01)

(Terra de nascente de águas termais)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (580)

(Banda Musical do Pontido fundada em 1765)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (581)

(Terra onde o Império Romano veio explorar ouro)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (582)

(Terra afamada pelas suas cebolas com a sua feira)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (583)

(Terra onde as tradições rurais ainda vivem)

Reino Maravilhoso - Alto Tâmega - Parada (Vila Pouca de Aguiar)

Dezembro 24, 2018

nona

 

 

REINO MARAVILHOSO - ALTO TÂMEGA

 

PARADA (VILA POUCA DE AGUIAR)

(Cenários de um fotógrafo que foi matar saudades à aldeia paterna)

01.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (431)

(Cenário I - Irmãosapontando os horizontes da aldeia paterna)

01a.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (464)

(Cenário II - Pedaço do rincão paterno)

02.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (437)

(Cenário III - Casa no alto da aldeia)

03.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (432)

(Cenário IV - Pedaços de memória paterna)

04.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (433)

(Cenário V - Pormenor)

05.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (435)

(Cenário VI - Rotas do progresso passando ao lado)

06.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (438)

(Cenário VII - Memórias fraternas)

06a.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (445)

(Cenário VIII - Pedaços de memória)

07.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (436)

(Cenário IX - Percorrendo espaços de memória da infância)

07a.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (465)

(Cenário X - Dando largas à imaginação: cravado na rocha pé de gigante)

08.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (439)

(Cenário XI - A torre na nova igreja)

09.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (442)

(Cenário XII - Alçado posterior da igreja e tanque do povo)

09a.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (456)

(Cenário XIII - água pura e cristalina brotando das entranhas da igreja)

10.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (448)

(Cenário XIV - Um recanto florido da aldeia)

11.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (449)

(Cenário XV - uma imponente casa de granito)

12.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (450)

(Cenário XVI - O arco da aldeia e seu ex-libris)

13.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (451)

(Cenário XVII - Aspeto I do casario)

15.-2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (459)

(Cenário XVIII - Aspeto Ii do casario)

14.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (455)

(Cenário XIX - Regressando do périplo fotográfico pela aldeia)

Reino Maravilhoso - Alto Tâmega - Pontido (Vila Pouca de Aguiar)

Dezembro 17, 2018

nona

 

 

REINO MARAVILHOSO - ALTO TÂMEGA

 

CENÁRIOS DA ALDEIA DE PONTIDO (VILA POUCA DE AGUIAR)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (218)

(Cenário I)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (1)

(Cenário II)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (13)

(Cenário III)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (22)

(Cenário IV)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (29)

(Cenário V)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (34)

(Cenário VI)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (38)

(Cenário VII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (210)

(Cenário VIII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (222)

(Cenário IX)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (224)

(Cenário X)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (238)

(Cenário XI)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (239)

(Cenário XII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (236)

(Cenário XIII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (241)

(Cenário XIV)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (244)

(Cenário XV)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (245)

(Cenário XVI)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (250)

(Cenário XVII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (256)

(Cenário XVIII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (263)

(Cenário XIX)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (266)

(Cenário XX)

Reino Maravilhoso - Alto Tâmega - Castelo de Aguiar da Pena

Dezembro 09, 2018

nona

 

 

REINO MARAVILHOSO - ALTO TÂMEGA

 

CASTELO DE AGUIAR DA PENA

 

CENÁRIOS E PANORÂMAS

01.- 2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (93)

 

O Castelo de Aguiar é um ponto de elevado interesse turístico,

porque resulta de uma singular conjugação da natureza com o engenho humano.

Trata-se de um castelo roqueiro, apoiado numa gigantesca fraga granítica,

cujas origens remontam aos séculos IX/X.

As inquirições de 1220 referem uma fortaleza em funcionamento,

que poderia integrar residência senhorial.
Este Monumento Nacional (1982) inclui-se em área natural classificada,

e beneficia de acessos facilitados.

O miradouro implementado no ponto mais alto da fortificação

permite uma visão panorâmica sobre o Vale de Aguiar.
O Castelo de Aguiar, e toda a sua envolvente natural,

podem ser visitados em autonomia, sem necessidade de marcação.

 

Município de Vila Pouca de Aguiar

 

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (177)

(Cenário I - Aspeto parcial do Castelo e aldeia do Pontido)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (49)

(Cenário II)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (51)

(Cenário III)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (53)

(Cenário IV)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (71)

(Cenário V)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (81)

(Cenário VI)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (82)

(Cenário VII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (85)

(Cenário VIII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (108)

(Panorâma I - Aspeto I da Veiga de Vila Pouca de Aguiar com a serra da Padrela como pano de fundo)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (117)

(Panorâma II - Aspeto II da Veiga de Vila Pouca de Aguiar com a serra da Padrela e a ponte da A4 como pano de fundo)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (165)

(Panorama III - Aspeto III com a Veiga de Vila pouca de Aguiar, a aldeia de Telões e a serra da Padrela ao fundo)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (172)

(Panorâma IV - Aspeto IV com a Veiga de Vila Pouca de Aguiar e a ponte da A24)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (173)

(Panorâma V - Aspeto V com a Veiga de Vila Pouca de Aguiar e a serra da Padrela)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (179)

(Panorâma VI - aldeia de Pontido)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (182)

(Panorama VII - Telões e a sua Igreja)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (188)

(Cenário IX)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (189)

(Cenário X)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (194)

(Cenário XI)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (195)

(Cenário XII)

2018.- Vila Pouca de Aguiar (I) (199)

(Cenário XIII)

Reino Maravilhoso - Douro - «Wine Hotel» da Quinta do Vallado

Dezembro 08, 2018

nona

 

 

REINO MARAVILHOSO - DOURO

 

«WINE HOTEL» DA QUINTA DO VALLADO

 

CENÁRIOS

01.- 2018.- Q.ta do Vallado) (120)

(Cenário I - Portão com o nome gravado de D. António Adelaide Ferreira , sua antiga proprietária, na parte superior da Casa e Quinta)

02.- 2018.- Q.ta do Vallado) (119)

(Cenário II - Uma panorâmica do portão de entrada da parte superior da Casa e da Quinta)

03.- 2018.- Q.ta do Vallado) (105)

(Cenário III - Acesso ao «Wine Hotel e à Quinta, vindos da parte inferior)

04.- 2018.- Q.ta do Vallado) (110)

(Cenário IV - «Wine Hotel» -  Casa Antiga)

05.- 2018.- Q.ta do Vallado) (113)

 (Cenário V - «Wine Hotel» - instalações modernas - da autoria do arquiteto Francisco Vieira de Campos)

06.- 2018.- Q.ta do Vallado) (151)

(Cenário VI - Entrada no «Wine Hotel - Instalações modernas)

07.- 2018.- Q.ta do Vallado) (144)

(Cenário VII - Perspetiva I do «Wine Hotel - Instalações modernas)

08.- 2018.- Q.ta do Vallado) (145)

(Cenário VIII - Perspetiva II do «Wine Hotel - Instalações modernas)

09.- 2018.- Q.ta do Vallado) (139)

(Cenário IX - Perspetiva I do exterior do «Wine Hotel» - Instalações antigas)

10.- 2018.- AQ.ta do Vallado) (132)

(Cenário X - Perspetiva II do exterior do «Wine Hotel» - Instalações antigas)

11.- 2018.- Q.ta do Vallado) (111)

(Cenário XI - Perspetiva III do exterior do «Wine Hotel» - Instalações antigas)

12.- 2018.- Q.ta do Vallado) (116)

(Cenário XII - Capela com os «pergaminhos» da Casa apostos)

2018.- Q.ta do Vallado) (128)

(Cenário XIII - Um Marco de Feitoria, de 1807,no exterior do «Wine Hotel»)

13.- 2018.- Q.ta do Vallado) (114)

(Cenário XIV - Portão de saída do «Wine Hotel» para o vinhedo da Quinta)

16.- 2018.- Q.ta do Vallado) (104)

(Cenário XV - A Quinta e Casa do Judeu, na outra margem do rio Corgo, vista da Quinta do Valado)

14.- 2018.- Q.ta do Vallado) (101)

(Cenário XVI - O «Wine Hotel» da quinta do Valado visto da Nacional 313)

15.- 2018.-Q.ta do Vallado) (103)

(Cenário XVII - O Armazém da quinta do Vallado visto da Nacional 313)

 

Destaque para o facto de ter recebido o prémio "Best of Wine Tourism 2013", na categoria "Arquitetura e Paisagens".. Continua na posse dos herdeiros de D. Antónia A. Ferreira, «A Ferreirinha».

Reino Maravilhoso - Douro - Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222

Dezembro 06, 2018

nona

 

REINO MARAVILHOSO - DOURO

 

DO PINHÃO A SÃO MARTINHO DE ANTA PELA M3222

 

CENÁRIOS 

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (3)

(Cenário I - Pinhão o rio Douro e a sua ponte)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (16)

(Cenário II - A Quinta de Santa Bárbara na outra margem)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (18a)

(Cenário III - A Casa Redonda da Quinta das Carvalhas no cimo do cocuruto)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (22)

(Cenário IV - Vista para a Quinta da Vista Alegre)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (24)

(Cenário V - Entrando na quinta do Porto)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (26)

(Cenário VI - Exterior da Quinta do Porto)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (34)

(Cenário VII - uma panorâmica desde a Quinta do Porto)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (34a)

(Cenário VIII - Vista geral da Quinta do Porto)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (56)

(Cenário IX - Panorâmica I desde Pesinho a Chanceleiros)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (62)

(Cenário X - Panorâmica II desde Pesinho a Chanceleiros)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (68)

(Cenário XI - Panorâmica III desde Pesinho a Chanceleiros)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (75)

(Cenário XII - Panorâmica da Piscina da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (76)

(Cenário XIII - Panorâmica I para o rio Douro desde a Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (79)

(Cenário XIV - Panorâmica II para o rio Douro desde a Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (80)

(Cenário XV - A capela da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (87)

(Cenário XVI - Interior da capela da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (88)

(Cenário XVII - Panorâmica III para o rio Douro desde a Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (91)

(Cenário XVIII - Panorâmica IV para o rio Douro desde a Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (95)

(Cenário XIX - Receção da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (97)

(Cenário XX - Casario da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (100)

(Cenário XXI - Os «pergaminhos» da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (98)

(Cenário XXII - Saindo das instalações hoteleiras e armazéns da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (102)

(Cenário XXIII - Saindo da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (106)

(Cenário XXIV -  Vista geral da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (112)

(Cenário XXV - Panorâmica I do casario da Quinta do Crasto)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (114)

(Cenário XXVI - Panorâmica II do casario da Quinta do Crasto)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (115)

(Cenário XXVII - Panorâmica I sobre o rio Douro e o seu vinhedo)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (116)

(Cenário XXVIII - Panorâmica II sobre o rio Douro e o seu vinhedo, com a quinta do Tedo na outra margem)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (122a)

(Cenário XXIX - Uma pequena aldeia antes de Paradela de Guiães)

2018.- Pinhão-S. Martinho de Anta pela M3222 (128)

(Cenário XXX - A imponência do vinhedo debruçando-se sobte o «seu» Douro)

Reino Maravilhoso - Trás-os-Montes - Vila de Moncorvo e seu património

Dezembro 05, 2018

nona

 

 

REIMO MARAVILHOSO  - TRÁS-OS-MONTES

 

CAMINHADA PELA DESATIVADA LINHA DO SABOR

(ETAPA POCINHO-MONCORVO)

 

CENÁRIOS DA VILA E DO PATRIMÓNIO DE TORRE DE MONCORVO - 2012

(TRIBUTO A NOSSO IRMÃO HÉLDER)

01.- 2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 185

(Cenário I)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 151

(Cenário II)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 154

(Cenário III)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 156

(Cenário IV)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 159

(Cenário V)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 163

(Cenário VI)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 167

(Cenário VII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 170

(Cenário VIII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 175

(Cenário IX)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 178

(Cenário X)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 187

(Cenário XI)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 189

(Cenário XII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 190

(Cenário XIII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 191

(Cenário XIV)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 192

(Cenário XV)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 196

(Cenário XVI)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 197

(Cenário XVII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 203

(Cenário XVIII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 206

(Cenário XIX)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 208

(Cenário XX)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 210

(Cenário XXI)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 213

(Cenário XXII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 214

(Cenário XXIII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 219

(Cenário XXIV)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 223

(Cenário XXV)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 226

(Cenário XXVI)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 234

(Cenário XXVII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 239

(Cenário XXVIII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 242

(Cenário XXIX)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 245

(Cenário XXX)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 305

(Cenário XXXI)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 306

(Cenário XXXII)

2012 - Linha Sabor (Pocinho-Moncorvo) 308

(Cenário XXXIII)

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

a espreitar

online

lumbudus

blog-logo

rádio

ouvir-radioClique no rádio para sintonizar

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D